Imagem de pessoa com rinite

RINITE ALÉRGICA

é uma inflamação na cavidade nasal que causa espirros, coriza, coceira, nariz entupido e olhos inchados(1)

Imagem de pessoa com rinite
Imagem de uma mulher e um médico, fazendo uma consulta médica

A rinite alérgica é uma das causas mais comuns de procura a atendimento médico(1)

É estimado que mais de
40% das rinites
sejam RINITES ALÉRGICAS(1)

Imagem para ilustrar população

A rinite alérgica também pode vir acompanhada da asma (2), uma inflamação das vias aéreas que causa tosse, entre outros sintomas. (3)

Imagem para sintomas da rinite
Plano de fundo de uma ilustração de Antígenos

agentes causadores da alergia são chamados
ANTÍGENOS

Plano de fundo de uma ilustração de Antígenos
Ilustração de Antígenos

substâncias que fazem o sistema imunológico reagir para combatê-las

Plano de fundo de uma ilustração de Antígenos

Algumas das principais causas
de alergias respiratórias são:

Causas de alergia respiratória: Pelos de animais, ácaros e poeira em geral, mudanças de temperatura, fumaça e poluição

O organismo identifica os antígenos como ameaças e por isso produz anticorpos e libera HISTAMINA.

uma substância química presente em nosso corpo, principalmente nas mucosas, como os órgãos do trato respiratório. Em excesso, ela causa a dilatação dos vasos sanguíneos, o que obstrui a passagem do ar na cavidade nasal (1), entre outros sintomas de alergia.

Histamina

A alergia respiratória pode ser (1):

leve
os sintomas não prejudicam o sono e as atividades do cotidiano

Intermitente
menos que 4 dias/ semana ou que 4 semanas

moderada/grave
os sintomas prejudicam o sono e as atividades do cotidiano

persistente
mais que 4 dias/semana ou que 4 semanas

A AÇÃO DE

POLARAMINE É UM anti-histaminico (anti-alérgico), que impede a ação da Histamina(1), aliviando os sintomas da alergia, como coriza, espirro e incômodos.

CONHEÇA MAIS SOBRE ALERGIA DE PELE
Pessoa após o uso de Polaramine

1- Abrahão M, et al. Rinite. Rev. Bras. Med. 2013;70(12):76-82.
2- T-Ping C. Condutas rinite alérgica. Rev Bras Med. 2005;31(1):35-44.
3- Galvão CES, Castro FFM. As alergias respiratórias. Rev Med (São Paulo). 2005 jan.-mar.;84(1):18-24.